domingo, maio 30, 2010

Música – Hermes Trismegisto e os Alquimistas

Hermes Trismegisto e a Sua Celeste Tábua de Esmeralda por Jorge Ben

letra: http://letras.terra.com.br/jorge-ben-jor/675183/


Os Alquimistas Estão Chegando - Jorge Ben

letra: http://letras.terra.com.br/jorge-ben-jor/86418/



Músicas maravilhosas de Jorge Ben, vale a pena escutar…já estão na minha playlist, quando puder, mando mais musicas ai para vocês…beijos

Pacto contra drogas ganha adesão da Maçonaria

http://www.cafecomnoticias.com.br/wp-content/uploads/2010/01/drogas1.jpg
Pacto contra drogas ganha adesão da Maçonaria, Focco e Movpaz

Entidades assinam acordo e vão colaborar com o Programa Estadual de Políticas sobre Drogas

O Fórum de Combate à Corrupção (Focco), a Maçonaria Paraibana e o Movimento pela Paz (Movpaz) são as novas entidades parceiras do Programa Estadual de Políticas sobre Drogas (PEPD/PB). Elas assinaram, nesta segunda-feira (10), um Pacto de colaboração na Política Estadual sobre Drogas, disponibilizando-se a participar, com o Governo do Estado e demais segmentos sociais, na idealização e realização de ações educativas. Implantado em abril, o PEPD/PB já conta com outras 17 assinaturas do Pacto, entre órgãos públicos e entidades da sociedade civil organizada.

Durante a solenidade desta segunda-feira, realizada na sede central da Maçonaria Grande Oriente do Brasil, o gerente do Programa, Deusimar Guedes, explicou que todas as secretarias estaduais se engajaram nas diretrizes do PEPD/PB e os 223 municípios paraibanos estão sendo convidados a aderir ao Pacto. Mas o gestor enfatizou a importância do poder público e sociedade partilharem responsabilidades na busca de alternativas e estratégias eficientes para trabalhar o combate às drogas, desde prevenção, atenção, tratamento, redução de danos e reinserção social dos dependentes químicos.

“A Maçonaria, o Focco e o Movpaz são entidades bem articuladas e integradas à sociedade, o que certamente acrescentará força e dinamismo para as nossas ações”, comentou Deusimar.

Maçonaria – O trabalho de interiorização das atividades do PEPD/PB terá uma forte contribuição da Maçonaria - Grande Oriente do Brasil na Paraíba, que também desenvolve o projeto ‘Maçonaria contra as drogas e a favor da vida’. “Todas as nossas 52 lojas (onde os maçons de reúnem), de João Pessoa a Cajazeiras, serão multiplicadoras das ações do Programa Estadual nas suas cidades”, anunciou o grão-mestre Aderaldo Pereira.

Focco – Já o Fórum de Combate à Corrupção (FOCCO) se empenhará para envolver suas 22 entidades integrantes, entre órgãos federais e estaduais, nas ações do Programa. “Atuar em defesa da criança e do adolescente não é apenas um papel estatal, mas de toda a sociedade”, destacou o coordenador geral do Focco, Rainério Rodrigues Leite. Ele frisou ainda que um dos objetivos do Fórum é a defesa do patrimônio público e, nesse sentido, reduzir o consumo das drogas também significará, além de saúde, segurança e melhor qualidade de vida para os cidadãos, a possibilidade de investir recursos em outras atividades governamentais para benefício da população.

Movpaz – As atividades do Programa Estadual de Políticas sobre Drogas incluirão uma ampla ação nas escolas e essa será uma das principais áreas de atuação do Movimento Internacional pela Paz e Não-violência (Movpaz) na Paraíba, através da parceria. “As escolas configuram-se como um espaço de cidadania importante para nossa atuação, oferecendo possibilidades para trabalhar a prevenção às drogas com crianças e jovens, já que muitos deles não têm a oportunidade de ter essas instruções na família”, explica o coordenador estadual do Movpaz, Almir Laureano. O Movimento atuará ainda a fim de que o Estado possa oferecer um centro de atendimento para os dependes químicos.

A importância do PEPD/PB, suas parcerias e projetos para prevenção também foram ressaltados pelo secretário estadual da Segurança e da Defesa Social, Gustavo Gominho. “Nenhum país conseguiu resolver o problema das drogas apenas com repressão. Conscientização e prevenção são fundamentais”, garantiu, lembrando a necessidade de se promover mudanças de mentalidade para as gerações futuras, uma das propostas do Programa Estadual.

Entre as autoridades presentes à solenidade, também estava o superintendente da Polícia Federal na Paraíba, Sinomar Maria Neto. Além de adepta do Pacto do Programa Estadual, a Polícia Federal firmou parceria com a Maçonaria no Projeto ‘Federal Mirim’, a ser desenvolvido nas escolas públicas, oferecendo curso de prevenção para formar jovens multiplicadores no combate ao uso de drogas.

Também marcaram presença na assinatura do Pacto, a secretária ajunta de Educação e Cultura, Emília Freire, o policial federal e vereador pessoense Geraldo Amorim, entre outras autoridades.


Assessoria



fonte: http://www.pbagora.com.br/conteudo.php?id=20100510170009&cat=paraiba&keys=pacto-contra-drogas-ganha-adesao-maconaria

quarta-feira, maio 19, 2010

Mudanças…

Filosofia da águia

A águia é uma ave que chega a viver até 70 anos.

Mas para chegar a essa idade ela tem que tomar uma séria e difícil decisão por volta dos 40 anos.

Nessa idade, ela está com as unhas compridas e flexíveis não conseguindo mais caçar suas presas para se alimentar;

seu bico alongado e pontiagudo já esta curvo e suas asas estão apontando contra o peito, envelhecidas e pesadas em função das grossura das pernas;

e voas já está se tornando uma tarefa difícil então.

A águia só tem duas alternativas:morrer ou enfrentar um dolorido processo de renovação que irá durar 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e recolher-se em um ninho próximo a um paredão, onde ela não necessite voar.

Após encontrar esse lugar, a águia começa a bater com o bico contra a rocha até conseguir arrancá-lo.

Após arrancálo, espera nascer um novo bico,com qual vaidepois arrancar suas unhas.

Quando as novas unhas começarem a nascer, ela passa a arrancar as velhas penas.

E somente depois de 5 meses ela sai para seus famosos vôo de renovação.

E poderá viver então,por mais uns 30 anos.

Em nossa vida, muitas vezes, temos de nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação.

Para que continuemos a voar um vôo de vitória, devemos nos deprender de lembranças, costumes e outras tradições que nos causaram dor.

Somente quando nos livramos do peso do passado é que podemos aproveitar o resultado valioso que uma alto renovação sempre traz.

Fraternalmente!

TFA.

Ir.'. ednilson josé dos santos

Fonte: Blog ; http://memphisemisraim.blogspot.com/

domingo, maio 16, 2010

IIIª Tertúlia Maçônica

O QUE É A TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA?

A Tertúlia Maçônica da Poesia Crioula é um evento poético/musical projetado e desenvolvido pelo Grupo Tradicionalista e Piquete Fraternidade Gaúcha, do Grande Oriente do Rio Grande do Sul, onde os participantes, entre eles maçons, demonstram suas qualidades como poetas, músicos e declamadores na arte da poesia riograndense.

OBJETIVOS DA TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA

1. Integrar a Família Maçônica através da arte da poesia.

2. Buscar nos quadros da maçonaria valores poéticos/musicais, oportunizando a mostra de seus trabalhos.

3. Participar do tradicionalismo gaúcho utilizando-se da organização oriunda dos ensinamentos maçônicos.

4. Mesclar vates, músicos e declamadores não maçons com artistas da Ordem almejando, através do mútuo conhecimento, o aperfeiçoamento de ambos.

5. Desmistificar, através de um evento aberto ao público, conceitos antiquados sobre a Arte Real.

6. Arrecadar fundos (alimentos) para serem distribuídos a quem deles necessitar, praticando, em conseqüência, a verdadeira maçonaria.

7. Pesquisar, preservar e divulgar o folclore e os costumes nativos do Rio Grande do Sul.

8. Homenagear, a cada edição do evento, um poeta ou escritor maçônico, que tenha contribuído com a cultura Rio grandense.

09. Mostrar, como exemplo aos maçons de outras querências, que os versos, os poemas, podem harmonizar e fazer a União das Obediências.

10. Deixar registrado em CD poemas maçônicos e gauchescos como uma forma de arte perene.

11. Aliar-se, com este grandioso evento, ás comemorações do Dia do Maçom (20 de agosto).

 

 

REGULAMENTO DA TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA

Art. 1º - A Tertúlia Maçônica da Poesia Crioula acontecerá, em sua 3ª Edição, no dia 25 de agosto de 2010, as 20:30 horas, no Teatro Dante Barone, da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul.

Art. 2º - O evento possuirá duas linhas distintas: A) Linha Maçônica. B) Linha Gauchesca.

I. A Linha Maçônica abrangerá poemas com temática maçônica, podendo, no entanto, utilizar-se da linguagem e do ambiente gauchesco.

II. A Linha Gauchesca, como o próprio nome estampa, deverá ser focada nos costumes e na cultura nativa do Rio Grande.

Art. 3º - Somente poderão participar da Linha Maçônica, amadrinhadores, poetas e declamadores pertencentes á Ordem Maçônica.

Parágrafo Único - Na Linha Gauchesca não existe esta obrigatoriedade, sendo considerada uma linha aberta a todos os interessados.

Art. 4º - Os poemas concorrentes, com as fichas devidamente preenchidas, deverão ser encaminhados até o dia 14 de maio de 2010, impreterivelmente, aos seguintes endereços:

End. convencional: Rua Gerônimo Coelho, 116 – CEP 90010-240 - Porto Alegre, RS

End. Eletrônico: www.blogdoleoribeiro.blogspot.com

Art. 5º - O número de inscrição é ilimitado mas somente serão selecionados um poema por autor (por linha do festival)

Art. 6º - Cada amadrinhador poderá participar de, no máximo, duas composições.

Art. 7º - O declamador poderá defender apenas um trabalho.

Art. 8º - Serão selecionados 10 poemas (cinco de cada linha) que serão apresentados no local, dia e hora citados no art. 1º.

Parágrafo Único - Os concorrentes deverão subir ao palco devidamente pilchados

Art. 9º - Após selecionados os poemas concorrentes, os autores serão comunicados, em tempo hábil, para remessa da poesia gravada já em condições de compor o CD do evento.

Parágrafo Único - Os poemas deverão ser inéditos (não editados nem gravados).

Art. 10º - Cada composição selecionada receberá, a título de Ajuda de Custo, na noite do festival, a importância de R$ 300,00.

Art. 11º - Serão premiados com troféus alusivos, os primeiros, segundos e terceiros lugares de cada Linha (maçônica e gauchesca), o Melhor Amadrinhador e o Melhor Declamador (também de cada linha).

Art. 12º - Quaisquer dúvidas em relação a IIIª Tertúlia Maçônica da Poesia crioula poderão ser sanadas pelo fone (51) 91245851

quarta-feira, maio 05, 2010

SEGREDO ENTRE COLUNAS

Recebi de um irmão,  amigo…

Parabéns ao autor… se alguem souber, diga para por os créditos

 

SENSACIONAL,

SEGREDO ENTRE COLUNAS


Este é o meu segredo...
Vou deixar a Maçonaria.
Jamais irei afirmar que
nunca revelarei seus segredos
Devo admitir que
suas ações são discretas.
Entretanto declaro que
seus integrantes nada fazem
E não acredito que
existe uma grande fraternidade
Afirmo categoricamente que
deixarei a Maçonaria.
E nunca vou dizer que
Ela é JUSTA E PERFEITA
Devo enfatizar esta verdade;
Sobre a Maçonaria...


Obs.: O verdadeiro SEGREDO está na
leitura das frases de baixo para cima.