sexta-feira, junho 03, 2016

Os doze processos da Alquimia






processosExistem doze processos que perfazem o trabalho alquímico. Os alquimistas tradicionalmente os agrupam em três etapas ou três obras, para a realização da Grande Obra que, contudo, não correspondem literalmente aos nomes conhecidos. 
Estes são:
Calcinação -  constitui a purificação do primeiro material pelo fogo, sem contudo diminuir seu teor de água.
Solução ou dissolução - aparte sólida é dissolvida na água,  porém é  relatado que esta água não molha a mão. A água pode ser o próprio mercúrio. Esta é  uma "dissolução  filosófica" em que o solvente mata os metais, portanto esta  fase é um símbolo da morte para os três reinos.
Separação  - o mercúrio é  separado do enxofre.Fornecendo um calor externo adequado, o mercúrio que contém o  enxofre interno coagula a si mesmo graças a um artifício que  constitui um segredo, o secretum secretorum, que é  uma  marca divisória entre a alquimia e a química. Este artifício  consiste, metaforicamente, em capturar um raio de sol,  condensá-lo, aprisioná-lo em um frasco hermeticamente  fechado e alimentá-lo com o fogo. A terra fica em baixo  enquanto o espírito sobe. Esta etapa completa a primeira  obra e quando concluída corretamente pode se ver a  formação de uma estrela dentro do frasco.
Conjunção  - o mercúrio e o enxofre são novamente unidos.Toda a operação deve ser realizada no - mesmo recipiente, sendo que nesta fase o frasco é hermeticamente fechado.
Putrefação - o calor mata os corpos e a putrefação ocorre. Aparece uma coloração escura, enegrecida.
Congelamento - nesta fase aparece uma coloração esbranquiçada, um calor brando é quem promove  esta mudança.
Cibação  - a matéria seca deve ser adicionado os componentes necessários para alimentá-la
Sublimação – fase em que o corpo torna-se espiritual e o espírito corporal, ou seja, volatilizar o fixo e fixar o volátil, sendo que um processo depende do outro e não é  possível fixar um sem volatilizar o  outro. Para esta fase é  relatado uma duração de quarenta dias. Porém, todo esse processo que se  encerra com a sublimação teve início na conjunção e constitui a segunda  -
Fermentação -  adiciona-se ouro para tornar o já existente mais ativo
Exaltação - processo semelhante a sublima, seria uma ressublimação
Multiplicação - uma quantidade maior de energia é  acrescida nesta etapa, porém não é necessariamente a matéria que aumenta.
Projeção - teste final da pedra em seus usos normais, como a transmutação.
O agente da dissolução é convertido em paciente que sofre a operação na fase da coagulação. Por isso  a operação é comparada a brincadeira de criança de "pular carniça" em que ora um pula o outro e ora é  pulado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário