domingo, maio 16, 2010

IIIª Tertúlia Maçônica

O QUE É A TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA?

A Tertúlia Maçônica da Poesia Crioula é um evento poético/musical projetado e desenvolvido pelo Grupo Tradicionalista e Piquete Fraternidade Gaúcha, do Grande Oriente do Rio Grande do Sul, onde os participantes, entre eles maçons, demonstram suas qualidades como poetas, músicos e declamadores na arte da poesia riograndense.

OBJETIVOS DA TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA

1. Integrar a Família Maçônica através da arte da poesia.

2. Buscar nos quadros da maçonaria valores poéticos/musicais, oportunizando a mostra de seus trabalhos.

3. Participar do tradicionalismo gaúcho utilizando-se da organização oriunda dos ensinamentos maçônicos.

4. Mesclar vates, músicos e declamadores não maçons com artistas da Ordem almejando, através do mútuo conhecimento, o aperfeiçoamento de ambos.

5. Desmistificar, através de um evento aberto ao público, conceitos antiquados sobre a Arte Real.

6. Arrecadar fundos (alimentos) para serem distribuídos a quem deles necessitar, praticando, em conseqüência, a verdadeira maçonaria.

7. Pesquisar, preservar e divulgar o folclore e os costumes nativos do Rio Grande do Sul.

8. Homenagear, a cada edição do evento, um poeta ou escritor maçônico, que tenha contribuído com a cultura Rio grandense.

09. Mostrar, como exemplo aos maçons de outras querências, que os versos, os poemas, podem harmonizar e fazer a União das Obediências.

10. Deixar registrado em CD poemas maçônicos e gauchescos como uma forma de arte perene.

11. Aliar-se, com este grandioso evento, ás comemorações do Dia do Maçom (20 de agosto).

 

 

REGULAMENTO DA TERTÚLIA MAÇÔNICA DA POESIA CRIOULA

Art. 1º - A Tertúlia Maçônica da Poesia Crioula acontecerá, em sua 3ª Edição, no dia 25 de agosto de 2010, as 20:30 horas, no Teatro Dante Barone, da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul.

Art. 2º - O evento possuirá duas linhas distintas: A) Linha Maçônica. B) Linha Gauchesca.

I. A Linha Maçônica abrangerá poemas com temática maçônica, podendo, no entanto, utilizar-se da linguagem e do ambiente gauchesco.

II. A Linha Gauchesca, como o próprio nome estampa, deverá ser focada nos costumes e na cultura nativa do Rio Grande.

Art. 3º - Somente poderão participar da Linha Maçônica, amadrinhadores, poetas e declamadores pertencentes á Ordem Maçônica.

Parágrafo Único - Na Linha Gauchesca não existe esta obrigatoriedade, sendo considerada uma linha aberta a todos os interessados.

Art. 4º - Os poemas concorrentes, com as fichas devidamente preenchidas, deverão ser encaminhados até o dia 14 de maio de 2010, impreterivelmente, aos seguintes endereços:

End. convencional: Rua Gerônimo Coelho, 116 – CEP 90010-240 - Porto Alegre, RS

End. Eletrônico: www.blogdoleoribeiro.blogspot.com

Art. 5º - O número de inscrição é ilimitado mas somente serão selecionados um poema por autor (por linha do festival)

Art. 6º - Cada amadrinhador poderá participar de, no máximo, duas composições.

Art. 7º - O declamador poderá defender apenas um trabalho.

Art. 8º - Serão selecionados 10 poemas (cinco de cada linha) que serão apresentados no local, dia e hora citados no art. 1º.

Parágrafo Único - Os concorrentes deverão subir ao palco devidamente pilchados

Art. 9º - Após selecionados os poemas concorrentes, os autores serão comunicados, em tempo hábil, para remessa da poesia gravada já em condições de compor o CD do evento.

Parágrafo Único - Os poemas deverão ser inéditos (não editados nem gravados).

Art. 10º - Cada composição selecionada receberá, a título de Ajuda de Custo, na noite do festival, a importância de R$ 300,00.

Art. 11º - Serão premiados com troféus alusivos, os primeiros, segundos e terceiros lugares de cada Linha (maçônica e gauchesca), o Melhor Amadrinhador e o Melhor Declamador (também de cada linha).

Art. 12º - Quaisquer dúvidas em relação a IIIª Tertúlia Maçônica da Poesia crioula poderão ser sanadas pelo fone (51) 91245851

Nenhum comentário:

Postar um comentário