domingo, agosto 14, 2011

O RITO DE PASSAGEM...

Você conhece a lenda do rito de passagem da juventude dos índios Cherokees?

O pai leva o filho para a floresta durante o final da tarde, venda-lhe
os olhos e deixa-o semi nu, sentado ali por toda a noite. O filho
solitário, não pode sair ou remover a venda até os raios do sol
brilharem no dia seguinte. Ele não pode gritar por socorro para
ninguém.

Se ele conseguir passar a noite toda lá, será considerado um homem e
este é o único modo. Ele também não pode contar a experiência aos
outros meninos porque cada um deve tornar-se homem enfrentando o medo
do desconhecido.

O menino fica, naturalmente, amedrontado.
Ele pode ouvir toda espécie de barulho.
Os animais selvagens podem lógico, estar ao redor dele.
Talvez possa ser ferido. Os insetos e cobras podem vir picá-lo.
Ele poderá ficar com frio, com fome ou sede.
O vento sopra a grama e a terra sacode os tocos, mas ele enfrenta
todos os medos sem remover a venda.

Mas finalmente...
Após a noite horrível, o sol aparece e a venda é removida. Então ele
descobre seu pai, que durante todo o tempo e sem que ele soubesse, ficou sentado ali próximo a ele, protegendo-o de todo e qualquer
perigo!

“Nós também nunca estamos sozinhos"!
Mesmo quando não percebemos,
Deus, o G.'.A.'.D.'.U.'. está olhando para nós, sentado ao nosso lado.
Quando os problemas vêm, tudo que temos a fazer é confiar.
ELE está nos protegendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário